O arroz branco é um alimento essencial na mesa do brasileiro, porém não contém as mesmas propriedades que o arroz integral, pois o arroz branco tem a casca retirada e é altamente polido, enquanto que o integral preserva suas camadas externas, sendo retirada apenas a casca. Nessas camadas externas é onde se encontra maiores concentrações de proteínas, lipídios, fibra, minerais e vitaminas, principalmente do complexo B, enquanto o centro é rico em amido.
Além de manter a saciedade por mais tempo, a opção integral contém fibras que auxiliam no bom funcionamento do intestino, retardam a absorção de açúcares e gorduras e ainda ajudam a controlar o colesterol. Para completar, ele ainda evita o acúmulo de gordura na região abdominal. É que a glicose que vem dos grãos refinados, processada mais rapidamente pelo corpo, tende a parar ali. Já a que vem de carboidratos integrais, processada mais lentamente, vai sendo utilizada enquanto é liberada, por isso se acumula menos.

Flávia Palombini(Nutrição e Beleza)