terça-feira, 16 de outubro de 2012

PC do B FARÁ PARTE DO CAMPO DAS OPOSIÇÕES EM TABIRA.

Em reunião ampliada da direção do PC do B de Tabira ocorrida no dia 15 de outubro de 2012 o partido decide que estará no campo das oposições em Tabira, a partir do dia primeiro de janeiro de 2013.
ANÁLISE DE CONJUNTURAS.
O Partido Comunista do Brasil, ao contrário de muitos outros, compreende o mundo dialeticamente, ou seja, os fenômenos sociais e políticos estão interligados. Por isso para compreender o que de fato acontece na política de Tabira é preciso conhecer, pelo menos em parte, o que ocorre no mundo. O mundo capitalista alicerçado pelas ideias neoliberais está em profunda crise desde 2008. Lá a política é feita em benefício dos mais ricos. Os brasileiros estão retornando da Europa e até dos Estados Unidos para o Brasil devido ao desemprego, a fome e ao próprio desmonte do Estado de Bem-Estar Social criado por lá para proteger os trabalhadores no pós-guerra. 
Os governos brasileiros, Lula e Dilma, que tomaram um caminho diferente do neoliberalismo, colocando o Estado para proteger os mais pobres está suportando até bem essa crise, caso contrário, as pessoas pobres do Brasil e de Tabira estariam “pagando o pato”, ou seja, perdendo o emprego, tendo salários de aposentadorias reduzidos, sofrendo corte dos Programas sociais como o Bolsa Família etc. A derrota eleitoral em Tabira do PSB, PC do B e PV foi a derrota da “força maior” que está com Eduardo em Pernambuco e com Lula e Dilma no Brasil. A vitória da  “força maior” da oposição atual em Tabira, especialmente o DEM e o PSDB, que será governo a partir de Janeiro do próximo ano, votaram contra Eduardo em Pernambuco e contra Lula e Dilma no Brasil.
AVALIAÇÃO DA DERROTA ELEITORAL.
O PC do B, ao contrário do pensamento que está na cabeça de muita gente da situação, não atribui à derrota eleitoral a uma única causa, por exemplo: “Uma suposta intensa compra de votos pela oposição”. O partido entende que ao longo de uma gestão e de um processo eleitoral se constrói a vitória ou a derrota. O governo do Trabalho Dinca e Joel construiu obras estruturadoras em Tabira e, está deixando muitas obras encaminhadas, que dificilmente será ultrapassado por outro governo. Porém, “algumas deficiências ocorridas durante todo o percurso pesaram decisivamente no resultado eleitoral”.
COMO AGIRÁ O PC do B NA OPOSIÇÃO EM TABIRA?
O PC do B fará oposição ao governo que será instalado no dia 1º de janeiro de 2013. A ação do partido na oposição será proporcional ao descontentamento dos tabirenses com a nova gestão. Não faremos oposição destrutiva, “aquela do quanto pior melhor”, porém não deixaremos de cobrar as “reivindicações legítimas” do povo da nossa terra.
O MANDATO DO VEREADOR DO PC do B ALDO SANTANA.
A derrota sofrida pelo partido em Tabira foi amenizada com a vitória do Vereador Aldo Santana. Na reunião ficou decidido que o conjunto do partido vai ajudar o “nosso vereador” durante o “seu mandato”. A direção decidiu também estabelecer uma relação recíproca “mandato-partido’’ para o bom êxito dessa  “importante tarefa” que o povo de Tabira deu ao vereador Aldo Santana. Todos lhe desejaram muito sucesso durante o seu primeiro mandado como legislador do município. (Por Dedé Rodrigues.)

Nenhum comentário: