sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Os 6 maiores erros da alimentação da mulher

Aprenda a lidar com os pequenos deslizes na hora de escolher como se alimentar



os 6 maiores erros da alimentacao da mulher Os 6 maiores erros da alimentação da mulher
Foto: Thinkstock
Na correria do dia-a-dia, entre as tarefas profissionais e os serviços domésticos, muitas mulheres acabam descuidando da alimentação. Recorrem ao alimento mais rápido e prático e por isso acabam deixando de lado nutrientes essenciais ou ainda exagerando em alimentos prejudiciais à saúde. Confira os 8 maiores erros alimentares que cometemos e aprenda a lidar com eles para ter uma vida mais saudável.

1 – Excesso de sódio na alimentação

A Organização Mundial da Saúde recomenda um consumo máximo de 2000mg (2g) de sódio por pessoa ao dia, o que equivale a 5g de sal, no entanto, se você é hipertensa, apresenta um quadro de diabetes ou disfunção renal, seu consumo diário de sódio não deve exceder 1.500mg.
Se a falta de tempo é um grande obstáculo, reserve algumas horas do seu fim de semana para preparar a comida a ser consumida durante a semana e congele-a, assim você poupa tempo de preparo e evita o consumo excessivo de sódio proveniente das comidas prontas.

2 – Consumo exagerado de açúcar

De acordo com a Associação Americana do Coração (American Heart Association), o consumo diário de açúcar para mulheres não deve exceder 24g, mas normalmente, o consumo é de 6 vezes mais que o ideal.
O grande inimigo é o açúcar que adicionamos aos chás, cafés e outras bebidas. Além disso, assim como o sódio, o açúcar também está escondido onde menos esperamos. Por isso, é preciso estar atenta e aprender a identificar açúcar nos rótulos dos produtos consumidos, pois ele está presente inclusive nos produtos considerados salgados.

3 – Deixar as fibras de lado

A fibra é uma substância essencial em qualquer dieta, pois além de ser forte aliada na digestão, também contribui para prevenir doenças do coração e alguns tipos de câncer. Por isso, ela deve estar presente no dia-a-dia. Começar o dia com um café da manhã regado à frutas e cereais é um bom começo. Ademais, opte por frutas na hora do lanche e exagere nos legumes nas refeições principais. Além disso, não se esqueça de beber muita água para potencializar o efeito das fibras.

4 – Não ingerir proteínas

Por ser considerada um alimento com calorias negativas, a falta de proteínas pode deixá-la faminta com mais freqüência, o que contribui para o aumento de peso e falhas de memória. Por isso, certifique-se de consumir proteína diariamente. Além das frutas, opte por iogurte e ovos no café da manhã e lembre-se de manter queijo, carne vermelha, amêndoas e feijão sempre disponíveis para qualquer refeição.

5 – Beber água em quantidades insuficientes

Este talvez seja o maior erro de todos já que a água é essencial para o bom funcionamento do organismo. Para suprir essa necessidade, opte por, além de beber água pura todos os dias, comer frutas e legumes ricos em água, como melancia, melão, chuchu e pepino, além de beber sucos e chás.

6 – Pular algumas refeições

A correria do trabalho e dos serviços domésticos muitas vezes nos obriga a pular algumas refeições. No entanto, um intervalo muito grande entre uma refeição e outra faz com que se exagere na quantidade de alimentos o que pode causar problemas de digestão, além de aumento de peso. Por isso, certifique-se de comer em intervalos de três horas e para facilitar deixe sempre à mão pequenas porções de comida, como frutas, iogurtes e cereais.(Por Fernanda Boito)
(Dicas de Mulher)

Nenhum comentário: