quarta-feira, 4 de julho de 2012

Câmara aprova prestação de contas do ex-prefeito Josete Amaral

A Câmara de Vereadores de Tabira aprovou, por maioria simples (5 a 4), nessa terça-feira, 3, a prestação de contas do exercício 2006, do ex-prefeito Josete Alves do Amaral (PTB). As contas já haviam recebido parecer prévio favorável do Tribunal de Contas do Estado e da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara.
Todos os 9 vereadores estiveram presentes na sessão que foi presidida pela vereadora  Genedy Brito (PSC). O atual prefeito José Edson (Dinca Brandino), do PSB, também esteve presente a sessão, juntamente com o vice-prefeito Joel Mariano, do PCdoB, o Procurador Jurídico, César Pessoa, e uma comitiva de funcionários e correligionários do gestor municipal.

O clima ficou tenso quando o vereador Tadeu Sampaio, presidente da Comissão de Constituição e Justiça, negou o requerimento do prefeito Dinca Brandino, que queria usar da palavra na sessão. Porém, a presidente da Casa, Genedy Brito, consultou os demais colegas e permitiu que o chefe do Poder Executivo falasse por dez minutos. Dinca solicitou dos vereadores que rejeitassem as contas do ex-prefeito Josete Amaral, por entender que houve grande abuso do dinheiro público. “Muitas vezes, as pessoas tem amigos lá no Tribunal de Contas e conseguem a aprovação devido as tapinhas nas costas”, disse o gestor. Ao terminar, o prefeito deixou o local com os correligionários.

Segundo o vereador Tadeu Sampaio (PSD), a aprovação da prestação de contas do prefeito recebeu parecer favorável de todos os órgãos fiscalizadores e não existia nenhum indício que impedia sua aprovação. “Temos que saber diferenciar questões partidárias dentro desta Casa, todas as contas do ex-prefeito estavam com aval dos conselheiros do Tribunal de Contas e não tinha porque não votar pela aprovação”, declarou.



Segundo o líder da oposição na Câmara, vereador Edmundo Barros (PMDB), o resultado já era esperado. “Já esperava a aprovação das contas do ex-prefeito, uma vez que já haviam sido aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado. Só lamento que os vereadores governistas saibam dividir as questões políticas das questões administrativas”, afirmou.
Fonte: Tabira Hoje

Nenhum comentário: