terça-feira, 31 de julho de 2012

TABIRA: UMA CIDADE QUE CRESCE E APARECE (II)

Tabira é uma das cidades que mais cresceu entre 2008 e 2009 na região do Pajeú segundo dados do IBGE e do índice FIRJAN-Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro.  Das cidades Polo do Pajeú Tabira ficou como melhor colocada, em 35º lugar no Estado de Pernambuco. Tabira agora também é a centésima cidade a ter a lei geral no Brasil.

Logo ao chegar a Tabira, vindo de Afogados da Ingazeira, você trafega por um asfalto novo vê uma das maiores Cerâmicas do Pajeú, passa pelo lindo PARK SOL e chega o Povoado de Riacho do Gado onde tem uma importante e promissora fábiraca de Artigos Militares,fardamento em Geral e de Segurança, Gisoeldo Fardamentos, a Capela local, Posto de Saúde reformado recentemente, o Mercadinho A Silva e o Tabira Campestre Clube, o Posto Dislub para abastecer o seu veículo e um comércio em crescimento.

O referido povoado já ganhou também todo saneamento básico, calçamento em muitas ruas, reforma do posto de Saúde, duas entidades importantes para Tabira que construíram as sedes depois das doações dos terrenos: a Sede da ADET (Associação dos Deficientes de Tabira) que cuida com muito carinho das pessoas com necessidades especiais. E o Lar do idoso que cuida daqueles que tanto contribuíram para a cidade e para o nosso país. 

Em seguida foi construído pela Empresa Jole o canteiro de obras da construção de mais dois reservatórios d’água para Tabira, um já está quase pronto, conforme a foto. A referida empresa está trocando  toda tubulação d’água da cidade, bem como também trocando todos os hidrômetros das nossas casas melhorando o abastecimento d’água da cidade e dos bairros,  trazendo mais qualidade de vida para a nossa população. Depois tem o Posto Nogueirão para abastecer o seu carro quando sair ou vir para Tabira.  
Ao lado do posto tem a placa da nossa maior obra em prol do meio ambiente: A construção de todo o saneamento básico que vai jogar o nosso esgoto tratado no rio, com 04 (quatro) estações de tratamento que já estão quase todas prontas.  (É uma das poucas obras de primeiro mundo no Brasil e principalmente no Sertão do Pajeú que está em fase de conclusão). Vale destacar que poucas cidades no Brasil dispõem de uma obra como esta.

Depois disso tudo podemos afirmar com  certeza que “Tabira é uma cidade que cresce e aparece.”


Fotos: Vagner Leandro

Fonte: Tabira Notícias

MP E PARTIDOS FAZEM ACORDO E PÕEM FIM ÀS CARREATAS EM TABIRA, SOLIDÃO E INGAZEIRA

O Ministério Público realizou reunião com representantes das Coligações das cidades de Tabira, Solidão e Ingazeira. A reunião foi coordenada pelo Promotor Eleitoral Leôncio Tavares Dias. O ponto mais importante da reunião foi o encaminhamento conjunto do fim das carreatas nas três cidades. O promotor explicou que os atos com carros e motos tem causado grande perturbação de sossego nas cidades onde ocorrem. Passeatas estão permitidas.
Outros encaminhamentos são ligados à manifestação através de fogos. Pelo que foi acordado,   só serão permitidos fogos durante a realização de Comícios. Em outros momentos, foi definido que não haverá esse tipo de manifestação. Quanto a Comícios, houve sorteio para definir as datas finais em Tabira, ficando pela ordem os eventos de Vital Filho dia 1, Sebastião Dias dia 2,  Marcílio Pires dia 3 e Dinca Brandino dia 4. 


Em Tabira, perturbação do sossego com carreatas e carros de som era absurdo.
Carros de som : o acordo prevê que em Tabira, por exemplo, as coligações se revezem por turnos. Uma Coligação roda   pela manhã, a outra à tarde. No dia seguinte as duas outras Coligações se revezam da mesma forma. Cada Coligação enviará ao MP a relação dos carros que estarão aptos a circular. Eles deverão obedecer os 70 decibéis, sendo fiscalizados pela PM.
Os carros circularão das 08h00 às 12h00 e das 14h00 ás 18h00 em Tabira e Solidão. Em Ingazeira, da 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 19h00. Além do promotor e de representantes das Coligações, o Major Wellington Alves, comandante do 23º BPM, também esteve na reunião.   Fotos : Tabira Hoje.
 

Fonte: Nill Júnior

VICE-PREFEITO DE TABIRA RECEBE DIRETORIA DA COODAPIS.



Na segunda-feira, dia 30 de julho de 2012, o vice-prefeito de Tabira, Joel Mariano recebeu o Presidente da COODAPIS- Nordeste (Cooperativa de Desenvolvimento da Apicultura do Nordeste) Adelmo Cabral, Antônio (Toinho da Arara) e Maria Leonizia integrantes da entidade.


A reunião foi solicitada pela COODAPS já que na qualidade de Vice - Prefeito Joel Mariano esteve na reunião do PRORURAL ocorrida nos dias 23 e 24 na cidade de Triunfo – PE representando o município de Tabira. Na reunião foram discutidos os financiamentos que serão aplicados nos municípios do Estado por intermédio do PRS (Pernambuco Rural Sustentável).

Segundo informação do Vice-Prefeito, Tabira será contemplada com recursos para três projetos, a saber: o primeiro na área de Apicultura, o segundo na área de Caprino-ovinocultura e o terceiro na área de pequenas irrigações.

O PRS está investindo de acordo com o nível de desenvolvimento das entidades e pelo grau de organização da COODAPS ela deverá ser a primeira a conseguir os recursos. O Vice-Prefeito ficou de agendar uma reunião com o Prefeito de Tabira e a COODAPIS na qual a entidade estará apresentando algumas reivindicações a Prefeitura Municipal. (Tabira Notícias)

53 candidatos disputam 11 vagas de vereador em Tabira

 Em Tabira, o quarto colégio eleitoral do Pajeú, é difícil encontrar alguém que não tenha um parente, um amigo ou pelo menos um conhecido em campanha como candidato a vereador. O município, de 28 mil habitantes, tem 53 candidatos à Câmara Municipal, cujas vagas vão aumentar das atuais 9 para 11 na próxima legislatura. A disputa é de 4,81 para cada cadeira. O salário atual dos vereadores é R$ 4.200,00.
Entres os mais de 50 candidatos a vereador, há pessoas das mais variadas profissões e grau de escolaridade. Segundo os dados divulgados no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), candidatos contam com ensino médio completo. Outros possuem ensino superior completo. E alguns candidatos possuem ensino fundamental completo ou incompleto.
Dos atuais 9 vereadores, 7 disputam um novo mandato. Os únicos que não aparece na lista dos candidatos à reeleição são o vereador Sebastião Dias (PTB) e a vereadora Genedy Brito (PSC). Mas, eles estão pedindo votos do mesmo jeito, pois são candidatos a prefeito e vice, respectivamente, da Coligação “A mudança se faz com todas as forças”.
Lista completa dos candidatos:

Fonte: Tabira Hoje

domingo, 29 de julho de 2012

Carreata do 40 ''O trabalho vai continuar"

 Neste sábado 28/07 foi realizada a grande carreata da história Frente Popular para o Trabalho continuar. A coligação conta com os partidos PSB, PC do B e PV. Logo após a carreata os candidatos da Coligação Dinca Brandino candidato a prefeito e a vice Joel Mariano e os vereadores inauguraram o comitê que se localiza na Avenida Coronel Zuza Barros, Centro Tabira.









CANDIDATOS A PREFEITO E VICE DA FRENTE POPULAR PARA O TRABALHO CONTINUAR DINCA E JOEL OUVEM OS LÍDERES DA ZONA RURAL.

 No dia 28 de julho de 2012, às 10h., no Espaço Siqueira em Tabira. Os Candidatos da Coligação da Frente Popular para o Trabalho Continuar em Tabira Dinca e Joel reuniram-se com os líderes da Zona Rural de Tabira. O objetivo da reunião foi discutir como se encontra a Zona Rural hoje e ouvir reivindicações e propostas da Zona Rural para o plano de governo da coligação. Os líderes deram o testemunho que com Dinca e Joel a Zona Rural de Tabira mudou. As propostas e reivindicações estão sendo coletadas para enriquecer o atual programa de governo e o canditato a prefeito a reeleição Dinca Brandino e o candidato a vice Joel Mariano se comprometeram, se reeleitos, continuarem a desenvolver a Zona Rural de Tabira. 
Fonte: Tabira em Tempo

Marcílio Pires e Juciano Firmino inauguraram comitê de campanha em Tabira

 Foi inaugurado na noite dessa sexta-feira (28) o comitê oficial de campanha do candidato a Prefeitura Municipal de Tabira, Marcílio Pires (PDT) e Juciano Firmino (PDT), com a coligação ‘Renova Tabira’. Parte da Avenida Maria Pereira Amorim, no centro, ficou fechada a partir das 18h30 para receber os militantes e políticos dos quatro partidos coligados.
Entre a autoridades políticas estavam o Deputado Estadual Ângelo Ferreira. O palanque ainda contou com a presença do candidato a vice-prefeito, Juciano Firmino, dos candidatos a vereador e lideraças políticas locais.
O ex-presidente da Câmara e candidato a prefeito Marcílio Pires começou seu discurso relembrando sua trajetória política e afirmando que fará, junto com toda sua equipe, uma renovação na terra das tradições. “Não vou fazer baixarias na minha campanha, pois o que quero é dialogar e mostrar que as minhas propostas são melhores para o povo de Tabira”, disse.
Após os discursos, Marcílio e Juciano lideraram uma carreata pelas principais ruas e avenidas do município.
Fonte: Tabira Hoje

TABIRA : DIA MOVIMENTADO APÓS DECISÃO DE NEGATIVA DE REGISTROS

  Em Tabira, o dia de ontem foi de muita movimentação depois da notícia em primeira mão do blog de que a Justiça acatou os pedidos de impugnação de dois candidatos a prefeito e um à Câmara de Vereadores. O maior alvo foi o prefeito Dinca Brandino, que teve seu registro de candidatura negado por integrar a lista de candidatos com contas rejeitadas pelo TCE, com decisão referendada pela Câmara de Vereadores.
Um carro de som do candidato Sebastião Dias anunciava como um plantão extraordinário a negativa de seu registro. “A Justiça negou o registro do prefeito”.  Já nos carros de som do prefeito candidato à reeleição, Dinca dizia em uma mensagem que o que acontece hoje em Tabira é um velho filme. “Há quatro anos diziam que eu não era candidato e já estou terminando meu mandato”, afirma. Seu advogado vai recorrer da decisão ao TRE.
O vereador e candidato à reeleição Tadeu Sampaio ainda não se  pronunciou.  E Marcílio Pires, que teve o registro negado pela questão ligada ao não recolhimento de contribuições previdenciárias quando presidiu a Câmara  em 2008  afirmou que vai recorrer ao TRE, bem como  resolver o problema do número de mulheres candidatas da coligação. Vai registrar cinco candidatas. (Nill Júnior)

sexta-feira, 27 de julho de 2012

DINCA, MARCÍLIO PIRES, TADEU SAMPAIO, NETA E DIOMÉSIO TEM REGISTROS NEGADOS PELA JUSTIÇA ELEITORAL

  Os candidatos à Prefeitura de Tabira, Dinca Brandino (PSB) e Marcílio Pires (PDT), além do candidato a vereador Tadeu Sampaio  estão entre os que tiveram  confirmadas as impugnações de suas candidaturas pela Justiça Eleitoral. A decisão - ainda não publicada oficialmente -  foi do Juíz José Carvalho de Aragão Neto,  acatando ação do Ministério Público e foi tomada esta tarde. Pela decisão, os não tem registradas suas candidatura e não poderão disputar, salvo se a decisão for reformada pelo TRE. 
Dinca Brandino inclui a lista de nomes com contas rejeitadas pelo TCE, respaldada em votação da Câmara de Vereadores. Ele é candidato à reeleição. Seu advogado, Edilson Xavier, havia dito que não havia dano insanável e mostrava confiança no registro.
Já Marcílio Pires, aparentemente tem situação mais fácil de ser revertida, segundo sua Assessoria. Em contato com o blog, informaram que a negativa de registro sedeu porque a Coligação Renova Tabira não atendeu o número mínimo de candidatas mulheres, o que será resolvido em até 72 horas, garantem.  
Tadeu Sampaio foi demitido como servidor após inquérito administrativo, por ocupar ilegalmente vaga como servidor público, cuja nomeação teria sido fraudulenta. Demissão do serviço público também é requisito para integrar lista de inelegibilidade.
Em Solidão, as duas Coligações tiveram registros negados. A candidata a prefeita Jacinete Vieira de Melo, Neta,  está na lista de políticos com contas rejeitadas pelo TCE e ainda responde a ação penal por fraude em licitação. 
O candidato a vice-prefeito na chapa de Cida Oliveira, Diomésio Oliveira, também teve pedido de impugnação feito pelo promotor acatado pelo Juíz. Diomésio também está na lista do TCE por problemas quando geriu o município. Também houve negativa de registro dos candidatos a vereador do PSD, Zé Nogueira e Pedro Isidório, o Tota. 
Em todos os casos, a negativa do registro se deu em primeira instância. Eles tem a opção de recorrer ao TRE para buscar alterar a decisão. Caso mantida no colegiado estadual, resta como última alternativa o TSE - Tribunal Superior Eleitoral. ( Nill Júnior)